Voce Sabia

Você Sabia Que a Escolha das Plantas Pode Melhorar a Qualidade da Água?

Você Sabia Que a Escolha das Plantas Pode Melhorar a Qualidade da Água?

Quando pensamos em montar um aquário, logo vêm à mente os peixes ornamentais que queremos ter, as decorações que iremos utilizar e até mesmo o tipo de substrato que será colocado no fundo do tanque. No entanto, muitos aquaristas ainda não sabem da importância das plantas aquáticas na manutenção da qualidade da água e no bem-estar dos peixes.

1. Função das plantas no aquário

As plantas aquáticas desempenham diversas funções fundamentais para a saúde do aquário:

  • Fotossíntese: as plantas realizam a fotossíntese, processo pelo qual elas absorvem a luz solar e, por meio da clorofila, transformam dióxido de carbono em oxigênio. Esse oxigênio é essencial para a respiração dos peixes.
  • Remoção de nitrogênio: a principal fonte de nitrogênio no aquário é a amônia, que é excretada pelos peixes através das suas fezes e urina. As plantas aquáticas têm a capacidade de absorver essa amônia como nutriente, ajudando a manter os níveis de nitrogênio sob controle e evitando problemas de toxicidade.
  • Filtragem mecânica: as plantas aquáticas também atuam como filtros mecânicos, pois suas folhas e raízes absorvem partículas suspensas na água, como restos de alimentos e detritos.
  • Proteção e abrigo: as plantas aquáticas oferecem esconderijos e locais seguros para os peixes, contribuindo para reduzir o estresse e a agressividade entre eles.

2. Escolhendo as plantas adequadas

Existem diversas espécies de plantas aquáticas disponíveis no mercado, cada uma com características específicas. Ao escolher as plantas para o seu aquário, leve em consideração os seguintes aspectos:

  • Tamanho: verifique o tamanho máximo que a planta poderá atingir. Algumas espécies crescem muito rapidamente e podem superlotar o aquário, enquanto outras se mantêm pequenas e compactas.
  • Requisitos de iluminação: as plantas aquáticas têm diferentes necessidades de luz. Algumas espécies exigem uma grande quantidade de iluminação intensa, enquanto outras se adaptam melhor a ambientes com menos luz.
  • Complexidade: algumas plantas aquáticas são mais fáceis de cuidar e se adaptam bem a condições variáveis de água e fertilização. Outras, porém, exigem maior atenção e cuidado para se desenvolverem adequadamente.

3. Plantas flutuantes e de fundo

Além das plantas que podem ser plantadas diretamente no substrato do aquário, as plantas flutuantes e de fundo também desempenham um papel importante na qualidade da água. As plantas flutuantes, como a alface d’água e a lentilha d’água, ajudam a reduzir a incidência direta da luz solar na água, o que ajuda a controlar o crescimento de algas. Já as plantas de fundo, como a espada amazônica e a sagitária, ajudam a oxigenar o substrato e a controlar o acúmulo de resíduos orgânicos no aquário.

Em resumo, a escolha das plantas adequadas para o aquário é fundamental para a manutenção da qualidade da água e do bem-estar dos peixes. Além de desempenharem funções vitais, como a remoção de nitrogênio e a filtragem mecânica, as plantas aquáticas também proporcionam um ambiente mais natural e saudável para os peixes.

Lembre-se de verificar as necessidades específicas de cada espécie de planta, oferecer uma iluminação adequada e fornecer os nutrientes essenciais através de fertilizantes e substratos próprios para plantas aquáticas. Com cuidado e dedicação, você poderá criar um aquário equilibrado e com água de qualidade, garantindo a beleza e a saúde dos seus peixes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *